PUBLICIDADE ENGANOSA

Anda na moda a criação dos dias nacionais de tudo e mais alguma coisa, é pena que esses dias não passem disso mesmo, meros dias para serem dias de alguma coisa.
Hoje é o DIA NACIONAL DE PREVENÇÃO E SEGURANÇA NO TRABALHO, e só não sabe quem não quer, pois existem cartazes por tudo o que é sitio, nomeadamente nos transportes públicos, publicidade é claro, com o correspondente pagamento.
Essa publicidade tem os seus custos, é claro, desde quem projectou, passando pela gráfica, acabando na afixação e no espaço usado para a publicidade.
É certo que é necessário incentivar a economia a funcionar, fazendo com que as empresas privadas, é claro, ganhem com o negócio de alguma coisa, neste caso à custa do Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social (MTSS), e da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT).
Tenho pena é que enquanto isto acontece, e se gaste euros preciosos com a finalidade de dar ar de quem está a trabalhar (mas é só mesmo o ar), o governo ande a anunciar novos inspectores para a ACT, “que estão em formação”, formação essa que já vai em mais de três anos, pois é o tempo que já decorreu desde o inicio da divulgação destes novos inspectores, e as divulgações subsequentes sobre estes mesmos inspectores (vão sair desta formação, de certeza absoluta, com diversos mestrados), não haja uma verdadeira inspecção da ACT a funcionar.
A última inspecção merecedora deste nome, foi a inspecção do trabalho no “reinado” de António Guterres; Para quem não se lembra, era a inspecção que possuía um Inspector-Geral do Trabalho, merecedor desse cargo.
No entanto os “patrões” não achavam que assim era, pois fiscalizavam verdadeiramente, e aplicavam contra-ordenações que estes não gostavam.
No entanto mal o PSD foi para o Governo, o Exmo. Sr. Durão Barroso, das primeiras “coisas” que fez foi mandar este inspector para a reforma, pois estava a trabalhar demasiado, fazendo cumprir a legislação; A seguir foi o alterar o nome da Inspecção para ACT, por causa da imagem é claro, não importa que sirva para a finalidade que foi criada, importa sim é que não perturbe quem, cada vez mais, explora os trabalhadores.

E nisto o Exmo. Sr. Engº Sócrates foi competentíssimo….

Agora a inspecção, perdão a autoridade, não serve mais do que para distrair… no finge que faz…

Agora fazem inspecções, mas os patrões andam adivinhos, pois em empresas que os trabalhadores fazem horas e horas de trabalho suplementar que não é pago, todos os dias, no dia em que vai lá a inspecção, horas antes já os chefes estão a dizer aos seus “escravos” que nesse dia não querem ninguém depois da hora.

Além deste tipo de inspecções, são feitas as inspecções por satélite, em que sindicatos pedem a intervenção da ACT, e nesse dia delegados dos sindicatos passam todo o dia à porta da empresa, esperando pelos inspectores e não os vêm… mas estes mesmos inspectores fazem relatórios, afirmando terem estado nesse dia na empresa, em determinada hora e não verificaram qualquer irregularidade.

Pois é… o Exmo. Sr. Engº Sócrates cumpriu com a promessa do “choque tecnológico”, muito à frente mesmo… INSPECÇÕES REALIZADAS ATRAVÉS DE SATELITE.

Anúncios
por soproleve Publicado em ACT, MTSS